Arquivos Mensais: Março 2015

desconcerto (in)feliz: prodigiosas faltas de paciência

desconcerto (in)feliz: prodigiosas faltas de paciência Só o Amor é digno de Fé. À maneira do Filho que dorme nos braços do Pai enquanto a Mãe lê orante. Deus secular. Igreja laica. Inexistentes por (a)provar. É preciso e precioso o … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , | Publicar um comentário

“D. António Barroso a caminho dos altares: encerrado o processo do milagre”

D. ANTÓNIO BARROSO A CAMINHO DOS ALTARES ENCERRADO O PROCESSO DO MILAGRE “No Paço Episcopal do Porto, em sessão pública do Tribunal diocesano, presidida pelo bispo D. António Francisco dos Santos, encerrou-se, na tarde do passado dia 4 de Março, o … Continuar a ler

Publicado em Cultura, Espiritualidade, Organizações | Etiquetas , | 1 Comentário

Oração a S. José, no «Dia do Pai»

Oração a S. José, no «Dia do Pai» São José, operário, fostes como pai de família, o protector de Jesus e de Maria, a Vós recorremos cheios de confiança, pedimos a vossa protecção, por todos os pais de família.   … Continuar a ler

Publicado em Espiritualidade, Mensagem, Raizes | Etiquetas , | Publicar um comentário

Sobre o que “vem antes que”

Sobre o que “vem antes que” “Entre Deus e o mundo, entre Deus e a humanidade, entre Deus e cada um de nós, não há distâncias nem vazios; há apenas Amor. De Deus, claro!” Pe. Fausto (in Diálogo, nº1463, 15-03-2015).     … Continuar a ler

Publicado em por | Publicar um comentário

Sobre o custo da quaresma

Sobre o custo da quaresma Quaresma é não desistir de mudar. A mudança é uma realidade vital. Nascemos e só paramos de mudar ao morrer. Aí se aloja o nosso erro «original» ao pensarmos que ao morrer as mudanças terminam. … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , , | 2 Comentários

Como é que vamos sair disto? – (Apontamentos para breve ensaio – versão 0.1.)

  Como é que vamos sair disto?   – Liberdades e Poderes –     «Se Deus não nos reservar mais do que Justiça, ninguém se salva»,Thomas Morus (patrono de parlamentares e governantes, vulgo “políticos”). I. – Mais Que Notas … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , , | Publicar um comentário