Arquivos Mensais: Março 2014

«Decide-te», isto é, do elogio da Fé, como remédio (ganho de emenda) e não anestesia (perda de sensibilidade)» – Reflexões: Ano A – IVº Quaresma – Jo 9, 1.6-9.13-17.34-38 (forma breve).

«Decide-te», isto é, do elogio da Fé, como remédio (ganho de emenda) e não anestesia (perda de sensibilidade)». Reflexões: Ano A – IVº Quaresma – Jo 9, 1.6-9.13-17.34-38 (forma breve). “A chance maior do Cristianismo não virá de seu conteúdo … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , , | Publicar um comentário

sobre os “divorciados recasados”: apontamentos sobre o princípio da misericórdia pastoral.

sobre os “divorciados recasados”: apontamentos sobre o princípio da misericórdia pastoral. “(…) em certas passagens do Evangelho, Jesus propõe meta ideal absolutamente inatingível: «sede perfeitos como o vosso Pai celeste é perfeito» (Mt 5,48). Não se trata de mandamento factível, … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , | Publicar um comentário

«Orienta-te», isto é, a (des)propósito da ideologia do género» – Reflexões: Ano A – IIIº Quaresma – Jo 4, 5-15. 19b-26.39a.40-42 (forma breve).

«Orienta-te», isto é, a (des)propósito da ideologia do género». Reflexões: Ano A – IIIº Quaresma – Jo 4, 5-15. 19b-26.39a.40-42 (forma breve). “A ideologia do género não só contrasta com a visão bíblica e cristã, mas também com a verdade … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , | Publicar um comentário

«Transforma-te», isto é, só com ELE nos transformaremos – Ano A – IIº Quaresma – Gn 12,1-4ª; 2Tim 1,8b-10; Mt 17,1-9.

«Transforma-te», isto é, só com ELE nos transformaremos. Reflexões: Ano A – IIº Quaresma – Gn 12,1-4ª; 2Tim 1,8b-10; Mt 17,1-9. “Moras de que lado da luz? Cinge-se de corda tua cintura de noivo? As nuvens conhecem a coroa da … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas | Publicar um comentário

Na Hora da Gratidão: Sé de Aveiro, 9 de Março de 2014 – Bispo António Francisco

Na Hora da Gratidão Sé de Aveiro, 9 de Março de 2014   Este momento como compreendemos todos não é tempo para muitas palavras. Mas o silêncio da minha parte, ainda que sob o imperativo da emoção, seria uma ofensa. … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas | Publicar um comentário

D. António Francisco, o Bispo da Bondade: breve ensaio testemunhal.

D. António Francisco, o Bispo da Bondade: breve ensaio testemunhal. “A tentação é querer suprimir o tempo, o espaço, o esforço, as mediações. Pensamos que felicidade é a conquista imediata de um bem que imaginamos. Mas perceberemos que logo após conquistá-lo, a … Continuar a ler

Publicado em por | Etiquetas , , | Publicar um comentário