Sobre o custo da quaresma

Sobre o custo da quaresma

Quaresma é não desistir de mudar. A mudança é uma realidade vital. Nascemos e só paramos de mudar ao morrer. Aí se aloja o nosso erro «original» ao pensarmos que ao morrer as mudanças terminam. Mudamos de vez para o seio da Criatividade Divina. Quaresma é o tempo da mudança forte que se alimenta da fraqueza. Não é um tempo gonzo. É um tempo de liberdade.

Quaresma é Tradição. O jejum em qualquer modalidade. A oração em qualquer devoção. E a caridade que dispõe de qualquer meio ao seu alcance para ser solução. Os três juntos de preferência, ou separados, por estratégia tipo: “deposite no nosso banco e o dinheiro continua seu”. Quaresma é o espaço de sinergia pelas raízes.

Quaresma é a Vida! Deus ri. Deus sorri. Todos somos uma anedota bem contada. Nossos pecados são impróprios, horríveis e risíveis. Medo de confessar o quê!? Quando dou o primeiro passo: o Céu rasga as nuvens… Como posso negar a mim mesmo mais uma ocasião de Graça!

Quaresma é dizer numa discussão de futebol, finanças, política e religião: «vamos ver quem perde a valer!» Explicar aquilo que se faz sem precisar de explicação. O que eu não preciso para mim, faz falta a quem precisa: roupa, comida, atenção, tempo, etc.

Quaresma é dizer a si mesmo perante os olhos dos outros: «é normal: esta pessoa e este problema são diferentes». Aprender de novo a usar o botão que desliga a TV (irrealidade…); o Telemóvel (ubiquidade…); o iPad (virtualidade…); e o Ai-Tudo-o-Resto (somos deuses de barro…).

Quaresma é aceitar que nada importa além do Amor primeiro. A manhã que nunca acaba no sabor do café quente. A tarde em que é sempre possível ouvir sem pressa. O silêncio da Noite, depois de viver o Dia a um ritmo louco. Inventar tempo para visitar um doente. Brincar com uma criança. Dar lucidez perante as dúvidas e repor a competência nas hesitações.

Quaresma é reabastecer-se espiritualmente na Fonte da oração, do jejum e da caridade. Tempo de promoções grátis e saldos à medida dos nossos bolsos e olhares consumistas. Abrir o frigorífico e dizer: não tenho tanta fome! Passar diante da montra e dizer: não faz falta! Olhar a carteira e pensar: ainda sou capaz!

Quaresma é cuidar da saúde espiritual e quem ganha é o Corpo. Dormir melhor com a consciência do dever cumprido, imperfeitamente, de modo a ser mais Feliz. Quaresma é, sobretudo, a Caridade “doméstica” (cuidar do próximo que é próximo) até ao limite do global: nada me é indiferente (cuidar do próximo desconhecido por Amor). Podia ser eu a lá estar!

Quaresma é o Deus oculto; que se faz página em branco; torna-se quase despercebido; atraiçoado por deslealdade; amargo fruto da nossa desumanização; que nos segrega baixinho «Amo-te, como se fosse o primeiro dia da tua vida!». Não desesperes: «a semente nunca vê a flor». «A vida também se lê». Eu escrevo direito por linhas tortas e vazias, as que tens e és.

Quaresma é o Tempo de tocar, ouvir, dar as mãos, sentir e consentir, restituir o perigo do Exemplo: como a educação fundamental. Que mensagem estou a transmitir? «Bom: só a fonte da benevolência: o lava-pés de Jesus Cristo». Sirva-se à vontade da quaresma, ela nunca lhe fará mal, bem pelo contrário! Acredite outra vez!

Pedro José, CDJP, Gafanha da Nazaré/Encarnação/Carmo, 09-03-2015, caracteres (incl. esp) 3195.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Apontamentos, Comidas e bebidas, Cultura, Espiritualidade, Incontinências, Mensagem, Raizes, Saúde e bem-estar com as etiquetas , , , . ligação permanente.

2 respostas a Sobre o custo da quaresma

  1. QUERIDO PADRE PEDRO: Li o seu “Sobre o Custo da Quaresma” e agora só tenho a lhe dizer: raras vezes li algo tão belo em toda a minha vida teológica. Seu texto é de uma beleza ímpar, rara, e porque não dizer, celestial. Parece que você o ouviu diretamente dos anjos que cantaram em Belém, ao nascer do Menino-Deus. Lindo lindo. Uma melodia paradisíaca para meus ouvidos. Que Deus lhe conceda manter-se mentalmente são durante toda a sua vida, para que Ele mesmo possa continuar lhe inspirando com estas pérolas de sua Sagrada Sapiência. É isso. Valeu, querido irmão de Chapadinha…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s