Arquivo de etiquetas: Mistério da Trindade

[Poema Daniel Faria – (5)]

 [Poema Daniel Faria – (5)] Amo-te no intenso tráfego Com toda a poluição no sangue. Exponho-te a vontade O lugar que só respira na tua boca Ó verbo que amo como a pronúncia Da mãe, do amigo, do poema Em pensamento. Com todas as ideias da minha cabeça ponho-me no silêncio Dos teus lábios. Molda-me a partir do céu da … Continuar a ler

Publicado em Cultura, Poesia | Etiquetas , , | Publicar um comentário