caminhar sobre – reflexões (Mt 14,22-33)

caminhar sobre

Reflexões – XIX TC – Ano A –

Mt. 14,22-33: «Jesus foi ter com eles, caminhando sobre o mar».

1.Ouvimos no evangelho: “Jesus foi ter com eles, caminhando sobre o mar”. Queria ter dentro de “mim”, e dentro de “nós”, esta realidade do «caminhar sobre». A iniciativa é de Jesus e esta “andança” sobre o mar é comparável, na pior das tragédias do nosso «Portugalinho», o caminhar sobre as brasas dos incêndios – presentes e passados, não queremos futuros – diante dos números das vítimas directas e indirectas, e suas famílias… Jesus dentro do milagre “ordinário e extraordinário”, continua a vir na nossa direcção. “Isto” é o mínimo da Graça maior da Redenção.

2.Nós por vezes, sem disso termos a menor Consciência Testemunhal, vivemos dentro de uma fé cómoda, instalada, pouco exigente. É um luxo perigoso para nós, pessoalmente e comunitariamente. Existe a Proximidade e ela é real e importante, pois queremos ver resolvidos os nossos problemas… Mas, a coragem do «risco da Fé» é vital para que a Comunidade possa subsistir e confiar em Jesus, na sua presença, na sua protecção.

3.As “ondas” que açoitam o nosso barco representam a hostilidade, a violência, a nossa fragilidade (im)pura … Os “ventos contrários” representam a oposição, a resistência… Quantas vezes na história, nós os discípulos de Jesus, sentimos que estamos perdidos, sozinhos, abandonados, desanimados, desiludidos, incapazes de enfrentar as tempestades… É aí, precisamente, que Jesus manifesta a sua Presença. Ele vai ao encontro dos discípulos “caminhando sobre o mar”.

4.Caminhar de Casa para o Emprego, e vice versa; caminhar com Saúde e sem ela; caminhar com Objectivos claros e com Dúvidas dolorosas; de Casa até Fátima; caminhar para a Igreja Matriz e dela para todos os Lugares… é-um-caminhar-nada-fácil. No Caminho, na Verdade e na Vida o que conta é Jesus: Norte e Bússola, que nos diz: “tende confiança. Sou Eu. Não temais”. Os discípulos acreditaram apesar das dúvidas e nós também saberemos acreditar com esperança e pés decididos.

 

FONTE: Cfr. Adaptado/recriado partir de: http://www.dehonianos.org/portal/liturgia/?mc_id=1527 acesso: 12-08-2017. Pedro José, Gafanha Carmo/Encarnação/Nazaré, 08-07-2017, caracteres (incl. esp) 1920.
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Apontamentos, Espiritualidade, Mensagem, Saúde e bem-estar com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s