“POLÍTICA NÃO É BANDALHEIRA!” – Boletim Vida Nova – Versão Online, Paróquia N. S. das Dores – Chapadinha – MA (28/08/2010)

 
 

POLÍTICA NÃO É BANDALHEIRA! (*)

 

 

”Política é a capacidade de organização social entre os seres humanos. É o espaço em que se prova a força da razão e da comunicação, o poder de chegar ao consenso, o jeito de superar as diferenças, o saber resolver conflitos. Política é arte, é ciência, é virtude. Deve ser! É busca do bem para todos. É ação transformadora. Mas, para tudo isto acontecer, tem que se aceitar princípios, construir acordos e levar as pessoas a assumir compromissos. A democracia exige o poder e, para alguém o conseguir, tem que se sujeitar à análise popular, saber manejar a comunicação, suscitar apreço na população e exercer a persuasão em ambientes onde podem dominar outros e haver resistências interesseiras. É neste espaço que surgem lutas e diversidades de grupos por haver análises diferentes, pontos de vista diferentes da realidade que pisam. Para alguém conquistar o poder são necessárias estratégias e força de ações e afirmações convincentes. O povo, quando bem formado e sem dependência, dará a sua representatividade a quem o convencer que a sua proposta é a melhor. Os seres humanos são diferentes, vivem realidades diferentes, fazem análises diferentes e têm ilusões diferentes. A política é a arte de organizar as diferenças. Impõe-se, por isso, o diálogo, a discussão, a comunicação. Política é a arte de administrar conflitos, de substituir a arbitrariedade pela justiça, a força pela lei, atitudes passionais pela razão, o individualismo pelo consenso. Mas, para que tudo isto aconteça em democracia, impõem-se algumas regras: A) – alternância no poder. B) – liberdade. D) – cooperação e desenvolvimento. E)- competência e interesse. Estas virtudes não se podem reduzir a arbitrárias e pessoais afirmações. Exigem demonstração por atos. O povo sente Deus no rosto dos crucificados de hoje, na miséria e na dor e pede interesse dos eleitos.

 

Os cristãos não devem brincar com política, nem pactuar com a corrupção. Devem trazer a responsabilidade e a fraternidade à vida pública. Política não é bandalheira, esconder a realidade, faturar com notas frias, prender-se exageradamente ao pouco que se faz e esquecer o muito mais que se podia fazer. O voto não serve para pagar favores pessoais. É uma procuração que se passa a alguém para nos representar e tratar do bem comum. Quem, no passado, só se preocupou consigo mesmo, não serve para político. Quem não é honesto, não tem moralidade, não é responsável na administração ou é incompetente… não serve para político. Votar nele é crime eleitoral. O político eleito vai ter vantagens legítimas, previstas na lei, como: ótima remuneração, imunidade parlamentar, contratação de assessores… Mas, ganha também a possibilidade de vantagens ilegítimas, como: contratar empreiteiras e empresas comerciais de amigos que super-faturam, falsificar contas para armazenar dinheiros públicos e comprar votos, corromper pessoas pobres e marginalizadas… Nesta campanha assistimos a muitas coisas desagradáveis. Confrontam-se grupos, cilindram-se amizades, dividem-se famílias, os candidatos injuriam-se, agride-se o ambiente, gasta-se barris e barris de gasolina. É zoada que mete medo! Solta-se mil pretensões, expõe-se sorrisos, exibe-se estratégias… são novos e velhos, uns com ficha limpa e outros com ficha suja… É bom não esquecer que tem alguns dependurados de liminar que depois serão sujeitos a julgamento. O Tribunal Eleitoral Superior já mandou que a Lei da Ficha Limpa é para ser aplicada nesta eleição”.

 

 

 

(*) FONTE: in Vida Nova – Boletim Formativo e Informativo da Paróquia de N. S. das Dores – Chapadinha // DIRETOR – Manuel Neves // DIRETOR-Adjunto – Pedro José; N°22 – 29/08/2010, p.4.

 

 

 

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Boletim VIDA NOVA. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s