Arquivos Mensais: Março 2010

“Recanto dos Pássaros” : diário máximo, 16 de Março 2010

  “Recanto dos Pássaros”   – Diário Máximo: 16 Março 2010 –       “Por morrer uma andorinha, não acaba a Primavera”. – Esperança “Mais vale um pássaro na mão do que dois voando” – Fé. “Um pássaro nunca … Continuar a ler

Publicado em por | Publicar um comentário

Humildade

    Humildade     Senhor, fazei com que eu aceite minha pobreza tal como sempre foi. Que não sinta o que não tenho. Não lamente o que podia ter e se perdeu por caminhos errados e nunca mais voltou. … Continuar a ler

Publicado em Poesia | Publicar um comentário

Globalização: o que é afinal ? – por Thomas L. FRIEDMAN

      Twitter: “O que está acontecendo?”     Globalização: o que é afinal? – nº06       [nº06.]  “Ao ouvir alguns críticos, entretanto, você pensaria que a globalização é apenas espalhar capitalismo selvagem, marcas globais, fast-food e … Continuar a ler

Publicado em Livros | Publicar um comentário

O outro filho – por José António PAGOLA: comentário Lc 15,1-3.11-32

    O outro filho – por José Antonio Pagola(*)       [Comentário: IV Dom Quaresma – Ano – C: 14-03-2010]    Dedico: Aos filhos (as) expulsos (as) de casa!     Ler: Lucas 15,1-3.11-32     Nesta parábola … Continuar a ler

Publicado em Espiritualidade | Publicar um comentário

Maldição Inglesa? Qual Quê!? É “O-Tudo-Ou-Nada”…

    Maldição Inglesa? Qual Quê!? É “O-Tudo-Ou-Nada”…     Futebol é a Arte das Letras Maiúsculas. Encontro-me com Arsène Wenger (treinador do Arsenal de Londres) que, indignado pelos escandalosos montantes que manejaram e manejam, certos clubes para fortalecer suas … Continuar a ler

Publicado em Jogos | Publicar um comentário

José González ‘Stay in the shade’

  Citação YouTube – José González ‘Stay in the shade’ 

Publicado em Música | Publicar um comentário

(Pro)Vocação: Dia Mundial da Mulher (08-03-2010)

    (Pro)Vocação: Dia Mundial da Mulher:  “Um mandarim estava apaixonado por uma cortesã. ‘Serei sua’, disse ela, ‘quando tiver passado cem noites a me esperar sentado num banquinho, no meu jardim, embaixo da minha janela.’ Mas, na nonagésima nona … Continuar a ler

Publicado em por | Publicar um comentário